17 de jan de 2012

05 lançamentos para esperar nos 05 primeiros meses de 2012

listas musica

por Caio Coletti

Sim, o ano acabou de começar, e podem esperar listas e mais listas. Poucas vezes um ano esteve tão empolgante musicalmente como 2012 está. Esse ano já tem uma nova Adele (aquele nome que todo mundo vai ficar falando o nome inteiro), e ela está aqui nesse primeiro ranking do ano. Tem também segundos álbuns esperadíssimos, retornos inusitados e outras novidades pra manter o nível de cultura pop no mesmo refinamento de 2011. Esses cinco listados aqui são as apostas certas para esses primeiros meses do ano, mas é bom vocês se cuidarem, porque 2012 vai nos surpreender, e muito, musicalmente. Que assim seja.

(PS: Pela natureza da lista, só entraram aqui os álbuns com data de estreia confirmada.)

lana 7

5ª posição – Strange Clouds (B.o.B.)

Não é a escolha mais ortodoxa, mas existe muito mais na música de B.o.B. (nascido Bobby Ray Simmons Jr.) do que se tem creditado a ele desde que The Adventures of Bobby Ray foi lançado em 2010. Conhecido pelas parcerias com Bruno Mars (“Nothin’ on You”) e Hayley Williams (“Airplanes”), há faixas no seu álbum de estreia que mostram, além de um ótimo rapper, um cantor decente e um compositor, guitarrista e produtor de dar gosto. Logo, seu segundo álbum pode surpreender. Não que “Strange Clouds” seja um bom cartão de visitas, eu admito, mas a parceria com Lil’ Wayne não ajuda. Ao lado de Andre 3000, por outro lado, ele faz um trabalho interessante, inspirado no reggae sem perder a vista para as paradas atuais, em “Play The Guitar”.

O que ouvir antes: Strange Clouds - Play The Guitar

Lançamento marcado para: 13 de Março.

lana 6

4ª posição – Lollipops & Politics (V V Brown)

Ela está por aí desde 2009, quando seu disco de estreia, Travelling Like The Light, impactou a crítica e todo mundo antenado no mundo pop com uma mistura inusitada de rock n’ roll clássico (aquele dos anos 50), pop e hip hop. Mas, pelo jeito, o brilhante álbum que deveria tê-la apresentado ao mundo (ao menos na França o sucesso foi incontestável) foi apenas um aperitivo da voz e da criatividade dessa inglesa de 28 anos. “Children”, o primeiro single de sua segunda coleção de inéditas, prevista para Fevereiro, nos dá uma palhinha de uma vocalista mais segura, com menos medo de ousar nas escolhas musicais e fazendo uma arte muito atual. Pode ser que ela continue sendo uma preciosidade escondida, mas isso não fará dela uma artista menos brilhante.

O que ouvir antes: Children

Lançamento marcado para: 07 de Fevereiro.

lana 5

3ª posição – Trespassing (Adam Lambert)

Adam Lambert é o primeiro artista pop masculino realmente empolgante na cena musical em muito tempo. Saído do American Idol, discretamente crescendo em popularidade com os singles de seu álbum de estreia desde 2009, Adam vem sendo um camaleão. Já embarcou na onda do sexy e da eletrônica com “For Your Entertainment” e “If I Had You”. Já mostrou ser uma das grandes, senão a grande voz masculina da atualidade com “Whatya Want From Me” e um EP acústico. E já ensaiou susbstituir Freddie Mercury (arrancando elogios) na reunião do Queen. O primeiro single do segundo álbum é uma balada pop-rock na qual Lambert parece muito mais engajado, e isso percebe-se nos vocais, do que em boa parte do que se viu no disco de estréia. É de se animar.

O que ouvir antes: Better Than I Know Myself - Outlaws of Love

Lançamento marcado para: 20 de Março.

lana 4

2ª posição – Our Version of Events (Emeli Sandé)

Estão lembrados do furacão que foi a apresentação de Janelle Monàe no Rock in Rio em 2011? A primeira vista, Emeli Sandé é a herdeira desse feeling da americana para o novo ano. Nascida Adele Emeli Sandé (ela resolveu usar o nome do meio na carreira, por motivos óbvios), ex-estudante de Medicina, despontou ano passado no álbum da última novidade do hip-hop, Tinie Tempah, com créditos de composição e vocais na faixa “Let Go”. Sem toda a ambição conceitual de Janelle, o primeiro single de seu álbum, a ser lançado em Fevereiro, conquistou o pessoal mais antenado pelo visual inspirado do clipe e pela mistura inteligente de R&B, vanguarda e corais que levam a canção, “Heaven”, a um clímax e tanto. Uma voz (e uma compositora) a se observar.

O que ouvir antes: HeavenDaddy

Lançamento marcado para: 06 de Fevereiro.

lana 1

1ª posição – Born to Die (Lana Del Rey)

Agora a conversa ficou séria: Lana Del Rey é o nome para ficar de olho em 2012, e isso por si só já é uma indicação do quão incríveis esses 12 meses vão ser musicalmente. Nascida Lizzy Grant, ela lançou um álbum sob o nome de batismo anos atrás, sem sucesso. Uma reformulada na imagem depois, ela voltou com esse pseudônimo que nasceu da junção da diva da Era de Ouro do cinema Lana Turner (conhecida pelo papel de femme fatale em filmes noir) com o modelo clássico da Ford, o Del Rey. A obsessão pelos flashes, a imagem cuidadosa e friamente trabalhada, o clipe do single homônimo do álbum, a voz aveludada e vulnerável, o estilo mezzo-blues, mezzo-vanguarda, tudo denota a fórmula de uma artista capaz de dominar a cabeça do mundo inteiro em 2012.

O que ouvir antes: Video Games - Born To Die - Yayo (Lizzy Grant)

Lançamento marcado para: 30 de Janeiro.

lana 2lana 3

“Know that you’re never alone/ In me you can find a home/ When you’re in unfamiliar places/Count on me through life’s changes”

(Leona Lewis em “Collide” – Glassheart, o álbum, sai dia 26 de Março)

“We gotta let it go, be on our way/ Look for another day/ Cuz it ain’t the same, my baby/ Watch it all fall to the gound/ No happily ever after, just disaster”

(JoJo em “Disaster” – Jumping Trains, o álbum, sai dia 03 de Abril)

0 comentários: