24 de mai de 2012

Kelly Clarkson continua na seção de auto-ajuda com “Dark Side”.

por Caio Coletti
(TwitterTumblr)

Depois do sucesso absoluto de “What Doesn’t Kill You (Stronger)”, Kelly Clarkson resolveu continuar no filão da auto-ajuda e fez de “Dark Side” o terceiro single do álbum Stronger, lançado no ano passado. No clipe da canção, na qual canta sobre “todos termos um lado negro” e pergunta ao interlocutor “você me ama? você pode amar o meu?”, revezam-se takes de Kelly cantando com histórias paralelas de diversos personagens.

Passam pela câmera uma garota anorexica, um rapaz que sofreu bullying na escola, um homem traumatizado pela guerra (com uma prótese de perna), uma criança vítima de abusos sexuais e até uma mulher traumatizada pelo divórcio. Trata-se de um discurso até bastante contundente, mas que sofre da falta de uma sentença forte como a do single que o precedeu.

“Stronger” mostrou que a primeira vencedora do American Idol ainda tem força para emplacar um #1 nas paradas, e deu combustível para as vendas do álbum, que não havia alcançado números significativos.

1 comentários:

Marlon disse...

Eu gosto bastante das músicas e da voz da Kelly, mas não sei, os clipes dela não me agradam :S.