24 de ago de 2012

Ex-integrante da banda Fresno lança CD solo.

551593_3594886239728_1500625720_33175874_769030942_n

por Gabryel Previtale
(TwitterTumblr)

Rodrigo Tavares, ou “Esteban”, como é conhecido no seu projeto solo, é ex-baixista da banda de rock gaúcha Fresno e recentemente lançou seu disco chamado ¡ADIÓS, ESTEBAN!. Embora ele tenha produzido as faixas do disco desde 2007, o trabalho se desenvolveu até agora, ocorrendo muitas mudanças nas faixas, nos arranjos e etc. Apesar de muita espera dos fãs para o álbum, diferente do comum, todas as faixas já eram conhecidas (por demo, obviamente), mas o cd em si não contém nenhuma novidade se não os arranjos finais das canções, que por si só já eram de conhecimento de todos os que acompanharam o projeto. A tiragem de pré-venda foi esgotada nas primeiras horas e juntamente com o lançamento do disco também foi confirmada uma turnê de divulgação que contém cidades como São Paulo, Rio de janeiro, Porto Alegre, Vitória e outras.

Tavares que já tinha uma banda alternativa chamada Abril, e se desvencilhou da mesma para dar foco ao seu projeto, que já realizou inúmeros shows pelo Brasil, muito deles no Hangar, em São Paulo, a partir de 2010.

O álbum no geral é muito bom, repleto de letras românticas ou de desamor, como o autor do trabalho mesmo disse: “...as canções fazem parte de um momento da minha vida que passei e quero contar..”. Ao contrário do que muitos pensam, as músicas não seguem a linha rock como as da banda Fresno, muito pelo contrário, tem até um toque de bossa nova em “Muito Além do Sofá", que por sinal foi uma das músicas mais diferentes de Esteban e está encaixada no enredo do novo CD, que contém até um poema declamado por Caroline (amiga do cantor). O teclado é com certeza a arma secreta, está presente na maioria das músicas, marcada por “Canal 12”, onde o teclado se une com a voz de Rodrigo, e acaba resultando em uma ótima faixa. Em suma, as canções estão linearmente na condição mais “deprê”, não tem nenhuma bem animada, e há presença de saxofone até para compor arranjos para dar um ar mais de “jazz e blues”. Destaque para a guitarra em “Sinto Muito Blues", que possui também uma das melhores letras de todo o CD, porém o vocal deixou a desejar, as demos (ou os lives) ficaram mais potentes em questão de voz, ao contrario de “Muda", em que Tavares consegue levar a música em um tom muito bom e firme na voz. A faixa “(Eu Sei) Você Esqueceu” traz consigo muitas influências do artista e traz também o acordeom, que é uma referência gaúcha e consegue alcançar uma sequência harmônica muito boa. Rodrigo comentou que música pop ele já fazia na Fresno, e que neste trabalho solo ele queria algo sincero e criar um conceito romântico que havia vivido, por isso escolheu a dedo quais faixas se encaixavam melhor.

O cantor já está trabalhando no segundo disco e disse que dessa vez não irá vazar nenhuma demo, e quer surpreender os fãs com um cd totalmente “fresco”.

O disco pode ser baixado no próprio site do Esteban, onde tem também a agenda da turnê de lançamento e a possibilidade de comprar o álbum.

0 comentários: