17 de jan de 2013

Review: Suburgatory, 02x09 – Junior Secretary’s Day

627

por Caio Coletti
(TwitterTumblr)

ATENÇÃO: esse review contem spoilers!

Uma das coisas mais inteligentes de Suburgatory é que se trata do conto de uma garota cheia de senso de mundo e racionalidade em meio a um universo suburbano regido por tudo, menos esses valores. Se a ligação de Tessa com o cenário em que ela se encontra evoluiu de uma cínica desaprovação para uma progressiva afeição pelos exageros e futilidades das (boas) pessoas nele, a personalidade da moça, em grande parte pelos esforços de Jane Levy na atuação, continua intacta. Tessa ainda é o que era no começo da série: o que mudou, e isso nada mais é do que desenvolvimento de personagem, é a forma com que ela se relaciona com aquilo (e aqueles) a sua volta.

Talvez por isso seja tão saboroso vê-la surtar em “Junior Secretary’s Day”, nono episódio da segunda temporada, que utiliza do famoso artíficio de criar um falso feriado para temperar os acontecimentos da semana. É o dia que comemora o trabalho das sub-secretárias em Chatswin, e Tessa, para escapar de uma tarefa extremamente tediosa na escola, acaba marcando a cirurgia para retirar o dente do ciso no mesmo dia. Acontece que os analgésicos prescrevidos por Noah (Alan Tudyk) deixam a moça paranóica e com delírios sobre extraterrestres que vieram buscar seus dentes (“what do we have that they don’t? TEETH”). Jane Levy tira de letra um lado da sua atuação que não é normalmente exigido, e a cena em que Noah a encontra colando papéis na parede do quarto é uma das coisas mais hilárias que essa série  já nos deu.

Enquanto isso, reparando uma falha de seu episódio anterior, “Black Thai”, Suburgatory interconecta todas as subtramas, como deve ser em uma série sobre uma cidade pequena (quem vive em uma vai saber do que estou falando). Fred Shay (Chris Parnell), não quer revelar para a esposa Sheila (Ana Gasteyer) que foi rebaixado a sub-secretário na empresa em que trabalha, e simula uma viagem de negócios enquanto se esconde (sem pedir permissão) no porão da casa de Tessa e George (Jeremy Sisto). Este, por sua vez, ocupado demais tentando esconder Fred de Sheila, acaba sendo negligente com as tentativas de Dallas (Cheryl Hines) de levar o relacionamento dos dois a outro nível.

Este é um dos episódios mais engraçados que Suburgatory já entregou, e é bom ver que a série não se esqueceu de alguns traços de seus personagens que ficaram escondidos por uns tempos. A telepatia entre Fred e Sheila, o pouco caso de Lisa (Allie Grant) com os assuntos de família (“I’m not stealing” “I don’t care”) e, claro, o fato de que Dallas dá os melhores conselhos do universo. Por essas e por outras, Suburgatory é preciosa.

**** (4/5)

Suburgatory-Season-2-Episode-9-Junior-Secretarys-Day-2-550x366

Próximo Suburgatory: 02x10 – “Chinese Chicken” (23/01)

0 comentários: