7 de fev de 2013

Review: Suburgatory, 02x12 – Body Talk

Suburgatory-Season-2-Episode-12-Body-Talk-6-550x366

por Caio Coletti
(TwitterTumblr)

ATENÇÃO: esse review contem spoilers!

Há um ponto positivo e um ponto negativo para se destacar em “Body Talk”, 12º episódio dessa segunda temporada de Suburgatory. No espírito de começar pelas notícias ruins, vamos ser bem claros: “Body Talk” não é o melhor, em termos de comédia, que essa série é capaz de fazer. Quando a principal graça de um episódio vem dos comentários de Mr. Wolfe (Rex Lee) e das desventuras de Dalia em uma nova escola, não é um bom sinal. Mesmo que há algum tempo não tivessemos o prazer de ver o sempre eficiente Lee em cena, e tampouco Dalia agindo como uma “biyatch”(Carly Chaikin vem crescendo cada vez mais no conceito desse que vos fala).

A trama dessa semana acompanha Tessa enquanto ela se dá conta de que não tem nenhuma atividade extra-curricular relevante, enquanto o namorado Ryan tem todas as tardes da semana cheias (incluindo “modelling”, “nude modelling” e “boy band practicing”). Ela então se dispõe a ser produtora de um programa feito na escola, um talk show que inclui a participação de espectadores por telefone. Quando o apresentador do programa não aparece logo no primeiro dia, é Ryan que acaba substituindo-o, fazendo o que mais gosta de fazer: falar sobre o seu corpo. Claro que a empreitada é um sucesso, e Tessa se vê produzindo um show que ela acha, obviamente, superficial e inútil.

Essa é a storyline que guarda também o maior triunfo de Suburgatory nesse episódio. Quando decidiu que ia desenvolver seus personagens e a relação entre eles em um nível em que acabamos com uma série que é tanto uma comédia cartunesca quanto um agridoce retrato de relacionamentos, a série acabou por fazer um bom investimento. Em “Body Talk”, se o lado cômico não brilha tanto quanto esteve brilhando nos últimos episódios, a parte dramática entrega um momento dos mais doces e deliciosos da temporada na conclusão da história de Tessa e Ryan.

Ao mesmo tempo, o episódio tem Dallas e George envolvidos em mais uma história absurda: ao mapear o terreno da namorada, George descobre que 58% da propriedade está localizada em East Chatswin, a região mais pobre da cidade. Isso, bem a moda dos exageros irônicos de Suburgatory, leva Dallas a ser expulsa do country club, e Dalia a ser transferida de escola. Fica cada vez mais claro que o objetivo da série nessa sua segunda temporada é fazer um estudo docemente cômico e com tintas exageradas da forma como um relacionamento pode trazer crescimento e aprendizado para os dois lados da relação.

**** (4/5)

Suburgatory-Season-2-Episode-12-Body-Talk-5-550x366

Próximo Suburgatory: 02x13 – Blowtox and Burlap (13/02)

0 comentários: