6 de mai de 2013

Estampas fake: ainda dá tempo de adotar a tendência!

1

por Isabela Bez
(@isabelabez)

Para quem pensava que toda peça de roupa que as celebridades usam vale quase ouro, errou. Se depender de Miley Cyrus, Rihanna e Cara Delevingne, o estilo girlie chic já era. É óbvio que elas não cansam de gastar milhares de dólares em lojas de grife, mas dessa vez misturar peças baratinhas com peças extremamente caras virou mania. E essa tendência tem dono: depois que o estilista Brian Lichtenberg resolveu brincar com os logos das grifes famosas e fazer disso estampas para t-shirts, moletons, bonés, gorros e afins, essas peças não saem mais dos guarda-roupas milionários. Balmain virou Ballin, Hermès virou Homiès, Céline virou Féline, e por aí vai… Tudo isso por menos de $100. Depois de chamar atenção das famosas que mais arriscam na moda, as estampas viraram mania, e já tomaram conta das ruas de Nova York. Tudo muito irônico e divertido.

Há pessoas que acham tudo isso bem cheap, mas é claro que se nós não amássemos essas grifes, a paródia toda não teria graça nenhuma, não é? Só há um problema: para existir uma harmonia no look, principalmente com gorro e moletom, é recomendável o uso de salto alto e muitos acessórios para deixar tudo bem mais chique. Do contrário, fica com cara de podrinho, mas de um jeito bem ruim. Vestir uma saia Chanel com uma fake t-shirt Chanel é muito mais divertido agora.

2

0 comentários: