2 de out de 2013

Rihanna e o kitsch de verdade no clipe de “Pour it Up”

STAYcover

por Caio Coletti

Muito se comentou sobre a expressão de desprezo de Rihanna na plateia do último VMA frente à apresentação de Miley Cyrus com a sua “We Can’t Stop”. Talvez seja coincidência, mas o recém-lançado (e um pouco tardio) vídeo de “Pour it Up” traz muitos elementos da atual fase de Miley e os insere em um contexto tão mais adequado – mais coerente – que fica difícil não vê-lo como uma resposta.

Está aí a diferença: Rihanna baseia tanto sua carreira na constante mudança de estilo que aprendeu a emergir de verdade na iconoplastia visual e musical de cada um dos que escolhe. “Pour it Up” é uma canção de hip hop com influências do R&B moderno (Frank Ocean, The Weeknd), que brinca com clubes de stripper, “dollar signs” e outras coisinhas gangta. Apropriado, portanto, que o clipe seja uma viagem esfumaçada levada por uma sensualidade aflorada e insinuante.

Complete a equação com flashes de um brinco da Channel, muito twerking e cenas de pole dance de sobra, e o resultado é uma melhor exploração bem menos polida, e muito mais precisa, do lado kitsch da cultura moderna.

0 comentários: